Guaraciaba (CE): Pista de pouso clandestina no município está na mira da Polícia Federal

Uma pista de pouso clandestina, localizada em Guaraciaba do Norte, cidade distante 320 km de Fortaleza, na serra da Ibiapaba chama a atenção e está na mira da Polícia Federal. 

No último dia 26 de março, um monomotor perdeu o controle durante o pouso e caiu fora da pista localizada no sítio de Quicé, distante cerca de 3 km da sede do município. Segundo fontes da Polícia Federal, já são mais de 15 pistas clandestinas catalogadas e agora monitoradas pela PF e Força Aérea Brasileira.

Todas devem ser destruídas nos próximos meses. Duas aeronaves carregadas de cocaína foram apreendidas somente esse ano no interior do Ceará. Outra aeronave caiu matando o piloto na fronteira do Ceará com o Piauí, naquele caso 30 kg da droga foram encontrados pela polícia. 

A cocaína encontrada no bimotor Cessna, que pousou em Pedra Branca depois de perseguido por um Jato Caça da Força Aérea Brasileira no último dia 16, está avaliada em 7,5 milhões de reais. Segundo a Polícia Federal, a droga pode está vindo da Bolívia ou do Paraguai.

A intenção da PF é dificultar a entrada de cocaína e armas de fogo desembarcando no interior do estado. A pista localizada em Guaraciaba tem quase 4 km de extensão, fica no meio da mata e segundo moradores, ela já existe há mais de 15 anos. Pelo menos duas vezes por mês eles presenciam o pouso de pequenos aviões no local. 


“Esta rota da Bolívia para o Brasil já é conhecida pela PF. O que é novo é a inserção do Ceará nela. Estamos trabalhando para combater e eliminar todas as chances destas quadrilhas continuarem enviando drogas em aviões para cá”, disse Janderlyer Lima, delegado da Polícia Federal em entrevista coletiva na manhã dessa segunda-feira 18, em Fortaleza.

A pista clandestina de Guaraciaba do Norte está estrategicamente na fronteira com o Piauí, descendo pelo município de Croatá chegando precisamente na cidade de Pedro II. O local é muito visitado por jovens que treinam manobras perigosas em carros e motocicletas. “Aqui a gente faz pega de motos, de carros e aprendemos a pilotar motos apenas com a roda traseira, tudo sem a fiscalização da polícia”, revelou um jovem que frequenta o local.

Fonte: Sobral Press /Fotos: Wellington Macedo

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+