Roubaram celulares na festa que estavam: Lula, Dilma, Serra, Alckmin, Haddad, Cunha e Renan

Celulares são furtados durante casamento em que presidente Dilma foi madrinha.

A cerimônia aconteceu no último sábado e o secretário Uip, que teve dois celulares furtados, foi padrinho ao lado da presidente Dilma Roussef, que é uma das pacientes do noivo e cardiologista Roberto Kalil.

O secretário de Saúde de São Paulo, David Uip, teve dois celulares furtados durante a festa de casamento do médico Roberto Kalil. Segundo o Jornal o Globo, pessoas que trabalham com Uip confirmaram o furto, mas o secretário não quis comentar o caso.

A cerimônia aconteceu no último sábado (9) e o secretário Uip foi padrinho ao lado da presidente Dilma Rousseff, que é uma das pacientes do cardiologista Kalil. Uip e Dilma estiveram na mesma mesa que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o senador José Serra.

Ainda de acordo com o Globo, os celulares furtados foram deixados na mesa e, após sair para cumprimentar amigos, ao retornar, o secretário de Saúde não teria mais encontrado os aparelhos no local. Além do ex-presidente Lula e de Serra, estavam presentes na festa Geraldo Alckmin, governador de São Paulo, Fernando Haddad, prefeito de São Paulo, Eduardo Cunha e Renan Calheiros, presidentes da Câmara e do Senado.

O casamento, que tinha cerca de 400 convidados, foi marcado ainda por protestos contra a presidente Dilma Rousseff.

Fonte: Diário do Nordeste

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+