Sejus confirma morte de um detento da CPPL II após contrair meningite

Um detento da Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL II) morreu após contrair meningite na última quarta-feira, 20.

Segundo a assessoria da Secretaria de Justiça e Cidadania do Ceará (Sejus), o interno começou a apresentar os sintomas da doença e no mesmo dia em que foi diagnosticado veio a óbito.

Outro detento que também contraiu a bactéria está sendo tratado no Hospital São José, em Fortaleza, afirma a Sejus.

Uma fonte que não quis ser identificada denunciou ao O POVO Online nesta sexta-feira, 22, que três internos já teriam morrido na unidade em decorrência da doença, enquanto outros cinco estariam isolados na Emergência.

A fonte afirmou ainda que os internos não estariam recebendo tratamento adequado, e que a visita de familiares à unidade neste sábado, 23, foi cancelada pela instituição.

Já a Sejus informou que todos os detentos que estavam na mesma ala daqueles diagnosticados, chamada de vivência D, receberam medicação preventiva enviada pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), que estaria monitorando a situação, assim como agentes e funcionários do presídio, que também foram medicados.

Sobre as visitas do fim de semana, a Sejus confirmou que foram suspensas como “forma preventiva”, alegando que a medida será compensada. “Como a visitação é dividida em dois dias, nos dias seis e sete de junho, os familiares poderão estar no sábado e no domingo com os internos, compensando o dia suspenso em virtude do bloqueio”, declarou.

Fonte: O Povo

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+