Adolescente comete suicídio após vídeo de pai cortando seu cabelo cair na net

A cidade de Tacoma, nos Estados Unidos, está completamente em choque e de luto depois que uma jovem moradora cometeu suicídio. 

O motivo não é apenas a morte da garota, mas, sim, o motivo que a levou a tirar a própria vida: Izabel Laxamana, de apenas 13 anos, foi filmada pelo pai tendo seu cabelo cortado como punição, e, com vergonha do castigo, acabou se matando.

A menina deixou seis cartas de despedida para familiares antes de pular de uma ponte na sexta-feira (5), de acordo com a polícia e informações do jornal The Independent. Ela foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

A morte de Izabel despertou tristeza e raiva nos moradores de Tacoma, especialmente depois que foi descoberto que o vídeo estava disponível na internet, aparentemente postado e logo em seguida removido por alguém cuja identidade ainda não foi descoberta.

Vários internautas comentaram dizendo que o pai da menina deveria ser responsabilizado por sua morte. Ainda que o vídeo do pai cortando o cabelo de Izabel exista, por enquanto, ainda não há evidências de que ele tenha cometido um crime, de acordo com o que alega a polícia.

Autoridades dizem que aparentemente existe um “sem número de fatores” que estariam afetando a estabilidade emocional da garota, e que o vídeo em questão “não tem muita relação com sua decisão de acabar com a própria vida”. A porta-voz da polícia local, Loretta Cool, explicou que o pai de Izabel, Jeff Loxamana, teria aplicado o castigo na filha para que ela parasse com determinados comportamentos que o estariam incomodando. Loretta se recusou a especificar quais comportamentos seriam esses.

— O pai perguntou à filha se ela entendia que havia consequências para seus atos. Nas imagens, é possível ver o cabelo da menina caindo no chão enquanto a câmera se move ao redor dela. É possível ouvir o pai inquirindo Izabel.

— A consequência de você agir assim, cara, é que você perde todo o seu lindo cabelo. Acha que vale a pena? Enquanto a menina responde que não, o pai pergunta “quantas vezes você já não foi advertida?”, ao que ela diz “muitas”.

Fonte: R7

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+