Entenda a diferença entre as Privatizações do PSDB e as Concessões do PT

Privatizar é venda de um patrimônio do Estado para uma empresa privada. Assim o Estado perde parte do seu patrimônio público. O comprador passa a atender aos interesses privados.

Concessão é aluguel entre o Estado e uma empresa privada por um tempo determinado. Após o termino do contrato, o patrimônio público volta para o Estado. A empresa atende aos interesses da população.

Saiba mais detalhes

O governo disponibilizou nesta última terça-feira (9) mais R$ 198,4 bilhões para investimentos em concessões de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos.

O modelo de concessão, adotado pela presidenta Dilma Rousseff do PT, funciona como uma espécie de aluguel, onde o governo empresta o patrimônio para administração de uma companhia por tempo determinado. A empresa que vencer o leilão da concessão deve cumprir regras impostas pelo governo, que por sua vez reverte em benefícios à população. Os recursos arrecadados com as concessões serão usados em investimentos, por exemplo, saúde e educação.

O modelo adotado pelo PT é diferente do modelo adotado pelo PSDB no governo do ex-presidente FHC que realizou privatizações e vendeu bens públicos para várias empresas privadas. Nesse tipo de leilão de privatização ganha quem pagar o melhor preço e assim o patrimônio público passa a ser, definitivamente, da iniciativa privada. O Estado perde o seu bem e o país fica mais pobre.

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+