Motorista de carro partido ao meio em batida não tinha habilitação, diz PM

Continua internado em estado grave no Hospital de Base de São José do Rio Preto (SP) o menino de um ano e sete meses que estava no carro com os pais, mortos em um acidente na rodovia Camilo Sato, no trecho entre os municípios de Votuporanga (SP) e Valentim Gentil (SP), neste domingo (14).

De acordo com informações da Polícia Militar, o jovem Bruno Henrique Espinosa da Costa, de 18 anos, perdeu o controle da direção em uma curva e foi atingido na lateral por outro carro que vinha na direção contrária. 

O impacto foi tão forte que o Fusca que ele dirigia partiu-se ao meio. Segundo a PM, ele não tinha habilitação. Além do jovem, morreu também no local sua namorada, Naiara da Silva Penques, de 17 anos. 

Outras duas pessoas, de 20 e 36 anos, que estavam no veículo também ficaram feridas, uma delas com gravidade. Já os ocupantes do outro carro passam bem.



Fonte: Terra

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+