Ipu (CE): Vereador Adriano Melo defende a Coelce ou o Povo Ipuense?

Vereador Adriano Melo e Prefeito Sérgio Rufino
O nobre vereador Adriano Melo (PV), a qual temos um profundo respeito e admiramos sua boa oratória, deveria explicar-se sobre o que ele chama de "inconsequência" e de quem é o "descaso" que referiu-se em seu texto a seguir:

"Inconsequência: Poço profundo do Bairro Canudos interligado a rede de abastecimento d'água, teve sua energia cortada e serviço suspenso. Recebi informações de populares que a energia da bomba do poço profundo do bairro canudos tinha sido cortada. Fui ao local e observei que não há fiação elétrica da rede ao poste, e medidor de energia. O que foi inaugurado com festas no dia 15 de julho, agora é descaso", publicou o nobre vereador Adriano Melo na tarde desta sexta-feira (24) no facebook. (Veja Aqui).

Perguntas a serem respondidas à população

- Seria 'inconsequência e um descaso do Prefeito' mandar ligar a energia dos Poços Profundos, já solicitada há três meses, para ajudar a população que sofre sem água, pois a Coelce não atende aos pedidos da Prefeitura de Ipu e nem deixa que a mesma faça as ligações?

OU...

- Seria 'inconsequência e um descaso da Coelce' que não atende aos pedidos da Prefeitura Municipal de Ipu para que seja feito a ligação de energia nos Poços Profundos e que após o prefeito mandar fazer as ligações, a Coelce foi e desligou a energia e ainda levou parte da fiação dos Poços Profundos?

O nobre vereador Adriano Melo ficará ao lado: da Coelce, que não liga a energia e corta o fornecimento se o prefeito mandar fazer a ligação ou do Povo Ipuense que vem sofrendo sem a água dos Poços Profundos, já perfurados e prontos para serem usados em benefício da população?

O silêncio também é válido, nobre vereador, pois as vezes, quando já falamos demais, o melhor é ficar calado na sequência e deixa o assunto passar.

Veja também: "A população não pode pagar pela irresponsabilidade da Coelce", diz Sérgio Rufino.

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+