Revista Veja volta a mentir dizendo que Lula usou avião pago pela Odebrecht

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi vítima, mais uma vez, neste sábado (04/07), de uma mentira criada pela revista Veja, do grupo Abril.

Em sua conta no Facebook, Lula divulgou nota do colunista Lauro Jardim que afirma que o ex-presidente teria ido em 19 de setembro de 2012 para o México em um avião pago pela Odebrecht.

A mídia não para de criar mentiras contra o ex-presidente e Lula, Dilma e o PT. As mentiras virou rotina e isso tem levado a muitos brasileiros a não acreditar mais nas publicações contra eles.

O jornal Folho de S. Paulo tem uma sessão chamada "ERRAMOS" (bem escondida no final da página e com letras minusculas), onde após publicarem as mentiras para o seu público, aqueles que se acham muito politizados, mas que são enganados e feitos de idiotas por eles, vem 5 minutinhos depois pra dizer... "ERRAMOS". Num curto espaço de tempo, várias matérias mentirosas contra o governo do PT, Lula e Dilma, somente no dia 25/06/2015, foram publicadas. (Veja Aqui).

Outra mídia que vive de criar mentiras contra o governo do PT, Lula e Dilma, é a revista Veja. Mas olha só que ironia. Nesse mês de junho, a jornalista Joice Hasselmann que é a principal ancora da Veja foi impedida, definitivamente, de ingressar no Sindicato dos Jornalistas do Paraná (SindijorPR). Sabe o motivo? A jornalista da Veja que tanto fala que o PT é desonesto foi punida por plagiar 65 reportagens. (Veja Aqui).

Sobre a mentira deste sábado (04/07), o perfil do ex-presidente no facebook publicou o seguinte: "É mentira, a viagem não foi paga pela Odebrecht. No dia 20 de setembro de 2012 Lula foi para o México participar do evento "México século XXI", e lá falou para mais de 8 mil estudantes, junto com Tony Blair e Pepe Guardiola", diz o texto. Segundo o post, essa viagem foi para a primeira palestra de Lula após se recuperar de um câncer. "Isso tudo foi informado para a imprensa na época. Qual o problema?", questiona.

Não é a primeira vez que a revista Veja pratica jornalismo de esgoto contra o ex-presidente Lula. Em fevereiro deste ano, o jornalista da Veja São Paulo Ulisses Campbell fez reportagem sobre uma festa de aniversário de um suposto sobrinho do ex-presidente Lula em Brasília. O ex-presidente teria custeado uma festa de aniversário de R$ 220 mil para um suposto sobrinho, além de presentear os convidados com Ipads.

Neste caso, a revista do grupo Abril pediu desculpas a Lula e aos leitores pelo exemplo de mau jornalismo. "Pelo equívoco, Veja Brasília se desculpa com seus leitores e, mesmo que a nota não contivesse conotação negativa, se desculpa também com o ex-presidente e sua família por quaisquer transtornos que possa ter ocasionado", escreveu.

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+