Sílvio Costa: Vocês não tem autoridade política para criticar a presidenta Dilma

O deputado federal Silvio Costa (PSC-PE), vice-líder do Governo, questionou a autoridade do Tribunal de Contas da União (TCU) para julgar e recomendar a rejeição das contas de 2014 da presidenta Dilma Rousseff.

Costa destaca a importância da coerência e disse que o convenção do PSDB, realizada no último domingo (5), foi na verdade "uma convulsão".

"O PSDB é um poço de incoerência. Todos sabem que o PSDB utilizou a máquina para aprovar a reeleição... No meu estado vários deputados receberam rádio para aprovar a reeleição... Vocês não tem autoridade política para criticar a presidenta Dilma. Precisam, acima de tudo, dizer ao pais que tipo de proposta tem", disse o deputado.

Costa disse ainda que "o TCU não estará em condições de fazer esta julgamento enquanto não forem esclarecidas as denúncias que atingem pelo menos dois de seus ministros".

Ele se refere aos vazamentos de trechos da delação premiada do empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC, em que teria afirmado que pagou propina para garantir a decisão favorável do TCU à licitação da usina de Angra 3, que estava enfrentando restrições técnica. A compra da decisão teria sido feita por meio de Thiago Cedraz, filho do presidente do tribunal, Aroldo Cedraz.

O empreiteiro disse ter pago R$ 50 mil por mês a Tiago e uma propina de um milhão de reais para eleresolver a resistência do relator, o ministro Raimudo Carrero, que, posteriormente, acabou liberando a licitação.

"Enquanto as investigações da Lava Jato não forem conclusivas sobre o papel destes dois ministros, o tribunal não tem autoridade para rejeitar contas do governo", disse Costa.

O deputado disse também que durante anos a elite se aliou aos tucanos para assaltar o Brasil e olhava "com nojo" para o Nordeste. "Lula fez o povo sentir o prazer de viver. Vocês são cínicos", completou.



Fonte: Vermelho

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+