Ipu (CE): Homem é enquadrado em crime de receptação

Neste sábado (01/08) um homem foi conduzido à Delegacia de Tianguá, acusado de crime de recaptação. 

O acusado tinha em seu poder um not book, produto de furto. Três menores de idade também estão envolvidos no caso, estes teriam efetuado o furto do referido objeto.

Foi conduzido pela PM de Ipu para a Delegacia Regional de Tianguá o indivíduo Ruan Lopes Rodrigues, 18 anos de idade, natural de São Gonçalo, estado do Rio de Janeiro, residente na localidade de Santana, região serrana de Ipu.

O mesmo foi encontrado com um not book que teria sido furtado no dia (27/07/2015) da residência do senhor Francisco das Chagas Alves do Nascimento, solteiro, professor, natural de Ipu, 48 anos de idade, residente na rua Mãe Ruiva, bairro Alto da Boa Vista desta cidade.

Juntamente com o elemento maior de idade foram conduzidos três menores; A.A.S., 15 anos de idade, natural de Ipu, residente em Várzea do Giló, J.V.F.N. 16 anos de idade, natural de Sobral, residente no Sítio Macambira Ipu e M.A.P.A. 17 anos de idade, residente na Baixa Larga.

O procedimento foi feito na delegacia de Tianguá, pelo delegado Dr. Gilk. Contra os menores foi feito um BCO - 110/2015 e contra o maior foi feito um TCO - 196/2015 no artigo 180 do parágrafo 3º do CPB .

Art. 180 - Adquirir, receber, transportar, conduzir ou ocultar, em proveito próprio ou alheio, coisa que sabe ser produto de crime, ou influir para que terceiro, de boa-fé, a adquira, receba ou oculte: (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996).

Pena - reclusão, de um a quatro anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996) Receptação qualificada (Redação dada pela Lei nº 9.426, de 1996)

Fonte: Repórter Francisco José  

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+