Suíço 'mimado' incendeia Ferrari para fraudar seguro porque 'queria uma nova'

Um jovem teve uma ideia bizarra para ganhar uma Ferrari novinha na Suíça. Ele simplesmente decidiu botar fogo na sua Ferrari antiga, só que de modelo mais antigo (458 Itália), na tentativa de receber o dinheiro do seguro. 

O carro é avaliado em 240 mil francos suíços (R$ 855 mil).

Ao lado de mais três rapazes, o suíço foi julgado pelo crime – que ocorreu em 2014 – nesta última quarta-feira (5) em Augsburgo, na Alemanha. 

Na audiência, o jovem disse que recebia “apenas” entre 5 e mil 10 francos suíços (entre R$ 17,8 mil e R$ 35,6 mil) por mês de mesada do pai. Desta forma, precisava de mais dinheiro para comprar o novo modelo esportivo.

Além de receber “só isso” de mesada, ele já tem outros 15 carros de luxo, entre eles uma Lamborghini, todos comprados pelo pai. Apesar disso, ele se dizia insatisfeito com sua Ferrari 458 Itália.

Os promotores pediram a pena de um ano e seis meses de cadeia para o quarteto, mas o juiz decidiu diminuir a sentença.

O rapaz foi condenado a um ano e dez meses de liberdade condicional, além de uma multa de 32 mil francos suíços (R$ 114 mil). Já os outros três pegaram entre 14 e 16 meses de liberdade condicional.

Filho de um conhecido empresário de Zurique, o rapaz achou que a fraude do seguro não seria percebida. Ele só não contava que toda sua ação foi flagrada por câmeras de segurança.

Fonte: G1

GOSTOU? CURTA NOSSA PÁGINA E FAÇA UM COMENTÁRIO!
Compartilhar no G+