Após chegada de RC ao PDT, Férrer oficializa ida ao PSB

Segundo o deputado, que oficializa sua ida ao PSB hoje, entrada de Roberto Cláudio confirma seu “preterimento” na legenda e configura “constrangimento e perseguição” dele no pedetismo, partido ao qual é filiado há 28 anos.

Confirmada filiação de Roberto Cláudio ao PDT na noite de ontem, o deputado Heitor Férrer (PDT) se desfiliará hoje do partido. Segundo o parlamentar, que oficializa sua ida ao PSB já nesta terça, entrada de RC confirma seu “preterimento” na legenda e configura “constrangimento e perseguição” dele no pedetismo – partido ao qual é filiado há 28 anos.

“É a filiação mais grave do grupo dos Ferreira Gomes, e concretiza minha preterição no partido. Ele (Roberto Cláudio) vindo, me defenestra”, diz o deputado. Ele destacou também que já tinha apresentado ao PDT sua intenção em disputar a sucessão do prefeito em 2016.

“Todos sabem do meu interesse na disputa do ano que vem, e o prefeito já vem candidato à reeleição. Se não posso nem debater uma possível candidatura, fica uma situação de grande constrangimento”, diz.

Dizendo ser “muito discreto”, Heitor deve confirmar filiação ao PSB logo pela manhã. “Vai ser um ato simples, com o presidente do partido no Estado, Danilo Forte”. Originalmente, a ficha de Heitor estava agendada para ser abonada pelo ex-deputado Sérgio Novais, que deixou o partido na semana passada por diferenças com a cúpula do PSB no Ceará.

“Vou apresentar minha ficha ao Danilo, e na manhã mesmo já encaminho a documentação à Justiça eleitoral. Queremos fazer isso de maneira bem simples e com discrição”, diz Heitor.

Filiação de Férrer ocorre após certa resistência do deputado em deixar o PDT. Há duas semanas, quando Ciro Gomes se filiou ao partido, o deputado chegou a afirmar que continuaria no pedetismo caso Ciro fosse o único do grupo dos Ferreira Gomes a se filiar na legenda.

“Desprezado”

Heitor Férrer lamentou também ter sido “desprezado” por seu atual partido. “Deixando a modéstia de lado: todos os partidos me procuram querendo que eu seja o candidato deles. Agora, o meu me desprezou”.
Apesar da pouca estrutura na campanha eleitoral ao Executivo municipal em 2012, Heitor quase chegou ao segundo turno, inclusive, muito próximo de superar o atual prefeito que foi apoiado pelo ex-governador Cid Gomes (Pros).

Após o resultado, o deputado recebeu convites para desembarcar em diversas outras legendas. Um convite formal do PPS foi feito pelo próprio presidente nacional da legenda, Roberto Freire.

O líder do PMDB na AL-CE, Audic Mota, também disse que o partido estava aberto ao parlamentar. No Legislativo, o assédio lhe rendeu o apelido de “o homem de vinte partidos”.

A turbulenta chegada de Férrer ao PSB anuncia, a um ano da disputa, acirramento entre candidaturas de Heitor e de Roberto Cláudio. Estão no páreo também candidatos como Capitão Wagner, deputado estadual mais votado do Estado na última eleição. (Carlos Mazza – carlosmazza@opovo.com.br)

Serviço

Heitor será entrevistado por Luiz Viana no programa O POVO no Rádio desta terça

Quando: a partir das 9 horas
Onde: Rádio O POVO/CBN FM 95.5 mhz AM 1010

Fonte: O Povo