Arbitragem aciona Globo na Justiça para não ter imagem exibida na TV

A Associação Nacional dos Árbitros (Anaf) entrou na Justiça contra a Rede Globo para que não tenha mais a imagem dos juízes exibida durante os jogos. O processo foi registrado na 19ª Vara Cível de Pernambuco. A Anaf alega que os árbitros não recebem Direito de Arena, recurso oriundo dos direitos de transmissão.

A associação dos árbitros quer que o veto à imagem das câmeras tenha validade para todos torneios exibidos pela emissora carioca, inclusive o Brasileirão. O processo foi assinado por 250 árbitros.

Em agosto, a presidente Dilma Rousseff retirou item da Medida Provisória 671 que repassaria ao sindicato dos árbitros 0,5% do Direito de Arena recolhido. A MP foi sancionada transformada em Lei 13.155, sem o item que ajudaria financeiramente os árbitros.

A Anaf argumenta que a arbitragem também está inserida no espetáculo vendido às TVs e, portanto, teria direito a uma parte da Arena. “Os árbitros são impedidos de se profissionalizar e não têm direito ao direito de Arena. Não há qualquer interesse em melhorar nossas condições. Como não temos direito por nossa exibição, o certo é que nossa imagem não seja exibida”, declarou Marco Antônio Martins, presidente da Anaf.

A categoria cogitou paralisar o Brasileirão em agosto, mas desistiu de fazer greve.

Fonte: Uol

Compartilhar