Ex-prefeita recebe advogados e acerta detalhes para defesa na Justiça

Advogados conversaram por mais de uma duas com ex-prefeita. Encontro de advogados com ex-prefeita não foi em um dia de visita.

A ex-prefeita Lidiane Leite recebeu por volta do meio-dia desta quarta-feira (30) a visita dos seus sete advogados de defesa, no quartel do Corpo de Bombeiros, em São Luís, onde está presa desde a última segunda-feira (28), após se entregar na sede da Superintendência da Polícia Federal. Ela conversou por mais de duas horas com os advogados no alojamento acertando as estratégias que a defesa deverá protocolar na Justiça do Maranhão.

A informação é de uma fonte que o G1 teve acesso e que contou ainda que a ex-prefeita teria pedido para receber apenas a visita da mãe, da irmã, de uma prima e dos advogados. “Ela está o tempo todo deitada, triste o tempo todo, assustada e com a mesma roupa preta”, revelou.

O advogado Sérgio Muniz não quis adiantar o conteúdo da conversa demorada, mas negou que tenham sido discutidas estratégias para que a ex-prefeita Lidiane Leite retorne ao cargo. “A preocupação de todos agora é com bem-estar dela”, afirmou.

Embora esta quarta-feira não seja dia de visitas dos familiares aos presos havia a expectativa que pelo menos a mãe Marlene Leite fosse levar o almoço da filha como ocorreu na terça-feira (29).Além da mãe, Lidiane Leite recebeu a visita de um dos seus advogados.

Segundo a assesoria do Corpo de Bombeiros, as visitas acontecem sempre às terças e quintas-feiras, em dois horários, das 9h às 11h e das 15h às 17h.

Prisão

Após passar 39 dias desaparecida, Lidiane Leite decidiu se apresentar na segunda-feira (28), na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF), na capital. No local, ela foi ouvida em companhia de três advogados.

Lidiane ficou conhecida como a “prefeita ostentação” e estava sendo investigada na “Operação Éden”, que apura desvios de verbas da educação.

O seu estilo de vida após ter sido eleita como prefeita começou a chamar a atenção, com as fotos que Lidiane colocava nas redes sociais ostentando uma vida de luxo, com viagens, festas e roupas caras.

Foragida

Um dos advogados de Lidiane Leite, Sérgio Muniz, disse que ela não saiu da cidade.
“A Lidiane sempre esteve em Bom Jardim, que é o oitavo maior município do Maranhão e que, por isso, não precisava estar dentro da prefeitura para gerir o município. Um dia antes da decisão do seu afastamento pela Justiça, ela realizou o pagamento de servidores municipais e fornecedores”, afirmou.

O delegado Ronildo Lajes, que é o responsável pelo inquérito, confirmou que Lidiane estava foragida e descartou que ela estivesse escondida todo esse tempo no município de Bom Jardim.

“As diligências foram feitas sim na cidade e no interior de Bom Jardim, mas é claro que o advogado está no papel dele de tentar amenizar as coisas para a investigada. De fato ela estava foragida e não tem como alguém afirmar que ela estava governando em Bom Jardim”, disse.

Mais denúncias

Na primeira semana de setembro, a nova administração do município de Bom Jardimcomeçou a divulgar os resultados da auditoria que está sendo realizada nas contas do município.

A apuração chegou a uma fraude em recursos destinados ao setor responsável pelo programa Bolsa Família, do governo federal. Osauditores afirmam ter descoberto um esquema de desvio de dinheiro público na Secretaria de Assistência Social de Bom Jardim. Conforme levantamento, a secretaria gastou mais de R$ 1 milhão com o pagamento de diárias.

Documentos, depoimentos de servidores e extratos bancários reforçam a denúncia. Ainda de acordo com a comissão, pelo menos 20 funcionários de todos os níveis, dentro da Assistência Social, receberam as diárias.

Fonte: G1

Compartilhar