Homem invade pista durante GP de Cingapura de Fórmula 1

Incidente ocorreu na 37ª das 61 voltas. Pessoa não identificada trajando camiseta e bermuda caminhou tranquilamente próximo ao guard rail e depois saiu da pista.

Um incidente inusitado ocorreu durante o GP de Cingapura, válido pela 13ª etapa da temporada 2015 da Fórmula 1. Na 37ª das 61 voltas da corrida, um homem trajando camiseta e bermudas invadiu a pista de Marina Bay. O pedestre, não identificado, vagou calmamente beirando o guard rail enquanto os carros passavam a cerca de 300km/h ao seu lado. Por medida de segurança, o safety car foi imediatamente acionado. Pouco tempo depois, o homem deixou a pista atravessando uma das grades. Ninguém se feriu.

A corrida demorou três voltas para ser retomada. Por sorte, o episódio não teve influência direta no resultado. Apesar dos pilotos aproveitarem para realizar mais um pit stop, o líder da prova no momento, Sebastian Vettel, da Ferrari, se manteve na ponta e venceu.

Invasão de pedestre no GP de Cingapura de Fórmula 1 (Foto: Divulgação)
Invasão de pedestre no GP de Cingapura de Fórmula 1 (Foto: Divulgação)

É a segunda vez que acontece uma invasão de pista este ano na Fórmula 1. Da outra vez ocorreu em um treino livre, durante o GP da China e o invasor foi preso. Coincidentemente, nos últimos anos, foram registradas outras duas invasões de pista durante corridas na Fórmula 1 e ambas as provas terminaram com vitória da Ferrari. Uma aconteceu no GP da Alemanha de 2000, que marcou o primeiro triunfo de Rubens Barrichello. Um homem protestava por ter sido demitido da companhia Mercedes. A outra foi no GP da Inglaterra de 2003, quando o famoso padre Cornelius (o mesmo que atrapalhou Vanderlei Cordeiro na maratona dos Jogos Olímpicos de 2004) entrou no circuito de Silverstone. Na ocasião, Rubinho também terminou com a vitória.

Fonte: Globo Esporte

Compartilhar