Presa quadrilha que pedia “proteção de deus” para roubar

Foram cumpridos quatro mandados nesta sexta-feira (25), em Pato Branco. Um adolescente foi apreendido e um rapaz, de 19 anos, foi preso.

A Polícia Civil de Pato Branco, no sudoeste do Paraná, apreendeu um adolescente e prendeu um rapaz de 19 anos, nesta sexta-feira (25), suspeitos de integrar uma quadrilha que pedia a proteção divina (de deus) para roubar carros e equipamentos eletrônicos na região. Essa foi a segunda fase da Operação Sacrilégio. Nos dias 16 e 17 de setembro, outros quatro adolescentes foram apreendidos durante a ação.

Segundo a polícia, as investigações começaram no dia 6 de agosto, quando a quadrilha roubou três carros em Pato Branco. Em um dos assaltos, os ladrões agrediram o dono do veículo com pedradas até que ele desmaiasse. Em outro, a vítima era um policial civil que reagiu e acabou ferindo um dos suspeitos.

Dois suspeitos foram presos logo após a ação e um conseguiu fugir, mas foi detido durante a madrugada do dia 17. Na casa de um dos menores, foram encontrados vários aparelhos de telefone celular, tablets, computadores, aparelhos de som e televisores.

Nesta sexta-feira, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, um mandado de busca, apreensão e internamento do adolescente e o mandado de prisão do suspeito maior de idade.

De acordo com a polícia, todos os integrantes da quadrilha foram identificados, entretanto dois suspeitos continuam foragidos.

Fonte: G1