Título e G-4: após derrotas frustrantes, Galo e Fla fazem disputa lá em cima

Times se encontram em Belo Horizonte com objetivos parecidos: conseguir rápida recuperação após revés na última rodada e seguir firme na busca por altos objetivos.

Atlético-MG e Flamengo vão se encontrar às 16h deste domingo, no Independência, em Belo Horizonte, em situações semelhantes. Ambos vêm de derrota frustrante na última rodada – o Galo foi goleado por 4 a 0 pelo Santos na Vila Belmiro, enquanto o clube da Gávea perdeu por 2 a 0 para o Coritiba com o mando de campo em Brasília, perdendo também a chance de quebrar o recorde de vitórias consecutivas no Campeonato Brasileiro. Os dois buscam o triunfo para seguirem firmes em seus objetivos atuais: o Atlético-MG sonha com o título, enquanto o Flamengo quer voltar ao G-4 depois de tê-lo deixado no meio de semana.

Pelo menos no discurso, a acachapante derrota para o Santos não abalou a confiança no Galo, principalmente pelo fato de a desvantagem para o líder Corinthians ter se mantido em cinco pontos. Levir Culpi e seus comandados vão tentar se aproveitar de um Independência lotado para reencontrarem o bom futebol, além de despacharem um rival direito pelas primeiras posições. Com retornos importantes como Marcos Rocha e Leandro Donizete, mas sem Giovanni Augusto, o triunfo é encarado como fundamental para continuar na caça ao líder, além de confirmar os 100% de aproveitamento diante dos cariocas neste Brasileirão.

O Flamengo, por sua vez, tem como grande inspiração o provável retorno de Guerrero, que ficou fora dos últimos seis jogos do time devido a uma lesão. Após sofrer a primeira derrota no returno, o Rubro-Negro busca uma nova sequência de vitórias para retornar ao G-4. O título é um sonho distante, mas a torcida faz questão de manter uma pontinha de esperança.

O árbitro Sandro Meira Ricci, de Santa Catarina, apita a partida, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse, ambos de São Paulo. A TV Globo exibe ao vivo para MG (menos Belo Horizonte), RJ, RS, SC, PR, ES, GO, TO, MS, MT, BA, SE, AL, PB, RN, CE, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR, AP e DF. Premiere transmite para todo o país a partir do sistema pay per view. O GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real, com vídeos.

As escalações

Atlético-MG: Levir Culpi esboça o mistério de costume aproveitando-se do fato de Dátolo ter sido poupado do treino de sexta por causa do desgaste muscular. A tendência é de que o argentino jogue. Com isso, a provável escalação tem Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca e Dátolo; Luan, Thiago Ribeiro e Pratto.

Flamengo: recuperado de lesão no tornozelo direito, Guerrero tem tudo para voltar ao time titular. Apesar de Oswaldo não ter confirmado, a tendência é que o peruano retorne no lugar de Kayke, seu substituto direto. Jorge, por sua vez, passou a ser dúvida após não treinar no sábado devido a uma indisposição. A presença do lateral-esquerdo vai depender de como ele acordar neste domingo, mas ele provavelmente jogará. No lugar de César Martins, suspenso, vai atuar Marcelo. O time, portanto, deve ter Paulo Victor, Pará, Marcelo, Samir e Jorge (Everton); Márcio Araújo, Canteros e Alan Patrick; Everton (Ederson), Paulinho e Guerrero.

Quem está fora

Atlético-MG: Giovanni Augusto recebeu o terceiro amarelo, Mansur recupera-se de problema muscular, enquanto Lucas Cândido não tem previsão de retorno.

Flamengo: Emerson Sheik e Wallace se recuperam de estiramento nas coxas direita e esquerda, respectivamente, e não têm condições de jogo, assim como o reserva Armero, outro lesionado. César Martins está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Nixon só volta em 2016.

Pendurados

Atlético-MG: Cárdenas, Carlos, Dátolo, Josué, Leonardo Silva e Patric.

Flamengo: Emerson, Everton, Kayke, Paulinho, Paulo Victor e Samir.

Fonte: Globo Esporte

Compartilhar