Serra da Ibiapaba (CE): Preço do abacate cai 40% na Ceasa

O produto é vendido em fevereiro por R$ 3,00. Fruta está sendo produzida em larga escala no Sudeste e cidades do CE.

O preço do abacate caiu 40% na Centrais de Abastecimento do Ceará (Ceasa Ceará). Produzido em larga escala nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo e em pequenas quantidades nos municípios cearenses de Tianguá, São Benedito e Ubajara, a fruta apresentou uma queda nos preços. O produto vendido em janeiro por R$ 5,00, o quilo, pode de ser encontrado no entreposto de Maracanaú por R$ 3,00 agora em fevereiro.

Odálio Girão, analista de mercado da Ceasa, ressalta que há três variedades de abacate ofertadas na Ceasa atualmente: o geada, também conhecido como barbieri ou limeirão, o primavera e o betânia.

Segundo Odálio, estes tipos de abacate, geralmente, apresentam uma maior demanda no mercado por possuírem menor quantidade de gordura em sua composição. “A fruta pode ser degustada in natura, em vitaminas ou sucos, além de ser utilizada como ingredientes de diversas receitas”, explica.

O analista de mercado da Ceasa informa que a safra destas variedades de abacate inicia- se em fevereiro e segue até o mês de junho., consequente, o preço da fruta tende a cair no mercado.

Fonte: G1

Compartilhar