Ceará: Polícia encontra 43 quilos de drogas em quatro operações


Das apreensões, a maior aconteceu no bairro São João do Tauape, onde havia em uma residência 21,4 quilos de maconha e 515 gramas de crack

Aproximadamente 43 quilos de drogas foram apreendidos no Ceará em quatro operações realizadas na segunda-feira (24).

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o montante é resultado de quatro ações realizadas nos bairros Alto da Balança e São João do Tauape, em Fortaleza; bairro Luzardo Viana, em Maracanaú; e bairro Cigana, em Caucaia.

A primeira apreensão aconteceu no bairro Alto da Balança. No local, foi detido Artur Barbosa da Silva Filho, 23. Com ele, havia uma pistola 9 milímetros, 16 munições e 32 papelotes de cocaína. O suspeito, que já possuía antecedentes criminais, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e receptação.

Já no bairro São João do Tauape foi localizada uma residência que funcionava como um depósito de drogas. Apesar de não haver ninguém no local, foram apreendidos 21,4 quilos de maconha e 515 gramas de crack.

Também na segunda-feira, os policiais da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) prenderam um grupo suspeito de envolvimento no tráfico de drogas na região da Maraponga. Claudiana Barroso de Sousa, 25, Jessica Vasconcelos, 29, e Francisco Osnar Lima da Silva, 27, foram flagrados, em Maracanaú, com dois quilos de maconha, 140 gramas de cocaína, 200 gramas de pó branco (utilizado para o desdobramento da droga), um revólver calibre 38, cinco munições de calibres variados, balança de precisão e um celular.

Em Caucaia, no Bairro Cigana, mais droga foi encontrada. Francisco Mardônio Rocha de Sousa, 37, que já responde por roubo e estava com um mandado de prisão em aberto, e Robson Sousa Santos, 27, sem antecedentes criminais, foram flagrados com 19,3 quilos de maconha, um revólver calibre 38 municiado e uma balança de precisão. De acordo com a Polícia, ambos foram autuados por tráfico e associação para o tráfico de drogas, além de porte ilegal de arma de fogo.

Fonte: DN
Compartilhar no G+