O Globo: Jair Bolsonaro fala fino contra as suspeitas de corrupção do PSC

Jair Bolsonaro (foto) falou grosso contra meia dúzia de partidos e adversários citados na delação da Odebrecht mas se calou sobre as acusações contra o presidente de seu partido, Pastor Everaldo, candidato em 2014.

Em 2014, quando Bolsonaro o apoiou, Everaldo teria recebido propina para ajudar Aécio Neves no debate da TV Globo.

Fonte: Lauro Jardim, O Globo
Compartilhar no G+