TRE mantém cassação dos diplomas do prefeito e da vice-prefeita de Umari-CE

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, presidida pela desembargadora Nailde Pinheiro, manteve, na sessão de segunda-feira (19), por unanimidade, a cassação dos diplomas do prefeito e da vice-prefeita de Umari, Francisco Alexandre Barros Neto e Laura do Carmo Lustosa Ribeiro.

Os dois são acusados na Ação de Investigação Judicial Eleitoral nº 196-25, por captação ilícita de sufrágio nas eleições de 2016.

Voto

O relator do Recurso Eleitoral foi o juiz Alcides Saldanha Lima, que havia proferido o seu voto, na sessão do dia 22 de janeiro, mas o juiz Tiago Asfor Rocha Lima pediu vista e na sessão desta segunda-feira, 19 de fevereiro, acompanhou o relator, negando provimento ao recurso.

Afastados

Após a publicação do acórdão, o TRE providenciará a comunicação da decisão ao juízo da 15ª Zona Eleitoral, com sede em Icó, a qual Umari pertence, para cumprimento da sentença. Mesmo recorrendo ao TSE, prefeito e vice cassados serão afastados dos cargos.

Fonte: Com informações do TRE



Compartilhar no G+