Chapa de Camilo terá Eunício Oliveira e Cid Gomes para o Senado

O governador Camilo Santana (PT) já sabe de quem são as duas vagas para o Senado em sua chapa majoritária: Eunício Oliveira (MDB) e Cid Gomes (PDT). A informação foi dada por Lauro Jardim - um dos mais conceituados jornalistas políticos do país - neste sábado (17).

Camilo, habilmente, costurou dois apoios que são garantias de voto nos palanques. Enquanto Eunício Oliveira é entusiasta das conquistas do governo Lula, Cid rasga elogios à capacidade de Ciro Gomes para comandar o país.

O governador, para os saudosistas da era PT, tem o medebista. Para os que querem mudança, tem o pedetista. Todos ficam contentes, e Camilo mais ainda.


Em tempo

A atitude de Camilo sinaliza uma mudança que vem se desenhando no Partido dos Trabalhadores. Mesmo com as críticas escancaradas de Ciro ao PT, articulações dentro e fora da legenda já estão bem encaminhadas para que petistas apoiem o Ferreira Gomes nas Eleições de outubro. Isso significa, nada mais, que até a cúpula do PT está jogando a toalha quanto à candidatura de Lula. Ele será preso, e a sigla não conseguirá a tempo nome que acabe com a chance de um político de centro-direita de assumir o Planalto.

Voltando

Ainda segundo Lauro Jardim o senador cearense José Pimentel e o deputado federal alencarino José Guimarães, ambos do PT, que ambicionavam as vagas da chapa de Camilo ao Senado, não andam nada satisfeitos.

“Pimentel planejava disputar a reeleição. Já Guimarães acreditava ter conquistado o direito depois dos serviços prestados como líder do governo Dilma Rousseff durante o impeachment. Ficou para próxima”, escreveu Lauro.

Fonte: Ceará News 7



Compartilhar no G+