Prefeito de Santana do Acaraú é suspeito de assassinar ex-funcionário da gestão

MARCELO Arcanjo é policial federal aposentado Reprodução/Facebook/Prefeitura de Santana do Acaraú

Marcelo Arcanjo teria entrado na casa e atirado contra Augusto Cesar do Nascimento. Prefeito fugiu após o crime.

O prefeito de Santana do Acaraú (a 212 quilômetros de Fortaleza), Marcelo Arcanjo (MDB), de 60 anos, é suspeito do assassinato de Augusto Cesar do Nascimento, ex-funcionário da prefeitura do município. O crime ocorreu na noite de ontem, por volta das 18h30min, na casa da vítima, no bairro Gerardo Arcanjo. Até o fechamento desta edição, o prefeito estava foragido.

Comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar de Sobral, responsável pela região, o tenente-coronel Francisco Assis Azevedo afirmou que a vítima havia sido exonerada do cargo "há poucos meses". Segundo o oficial, Augusto foi morto com tiros na cabeça.

Questionado sobre a possibilidade de haver motivação política no crime, ele descartou. "Talvez tenha sido algum problema pessoal, que foi resolvido da pior forma".

"O clima na cidade é de pessoas atônitas. Ninguém esperava que um gestor público fosse capaz disso", completou.

O tenente-coronel Francisco Assis Azevedo informou que o prefeito teria saído da cidade em um veículo ainda não identificado. Apesar das buscas, a Polícia Militar não havia localizado nem o veículo nem Marcelo Arcanjo até o início da madrugada de hoje.

Ao blog O Sobralense, Francisca Georgiana do Monte, que se identificou como uma prima da vítima, contou que Marcelo Arcanjo chegou à casa de Augusto e perguntou a um irmão dele onde o ex-funcionário da prefeitura estava. Ao localizar a vítima dentro da residência, já teria executado o homem com três disparos. Segundo ela, o prefeito aparentava calma. Ao contrário do que apontou a Polícia no levantamento preliminar da motivação do crime, Francisca Georgiana ainda declarou que a vítima frequentemente criticava a administração de Marcelo Arcanjo, o que a faz suspeitar ser essa a razão para o assassinato. (Lucas Barbosa. Colaboraram Jéssika Sisnando e Wanderson Trindade/ Especial para O POVO)

NA CAPITAL

Uma tentativa de chacina foi registrada na noite de ontem, na Rua das Cerejeiras, no Parque Presidente Vargas, em Fortaleza. Seis pessoas teriam sido atingidas por tiros, sendo que uma morreu. A identidade das vítimas não foi confirmada.

Fonte: O POVO
Compartilhar no G+