Datafolha: Bolsonaro lidera com 26% das intenções de voto; em segundo, Ciro e Haddad têm 13%


O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, permanece na frente da corrida eleitoral, agora com 26% das intenções de voto, segundo o Datafolha. O número representa uma oscilação de dois pontos para cima, dentro da margem de erro, em relação ao levantamento mais recente, da semana passada. Ciro Gomes (PDT), que se manteve estável, e Fernando Haddad (PT), que subiu quatro pontos, estão numericamente empatados com 13%, logo em seguida. Eles estão empatados tecnicamente, no limite da margem de erro, com Geraldo Alckmin (PSDB), que oscilou um ponto para baixo e tem 9%.

Marina Silva, que nos levantamentos anteriores estava empatada em segundo lugar com Ciro, Haddad e Alckmin, agora está com 8%, uma queda de três pontos percentuais na comparação com o levantamento anterior.

Em seguida, três candidatos permanecem empatados com 3%: Alvaro Dias (Podemos), Henrique Meirelles (MDB) e João Amoêdo (Novo). Cabo Daciolo (Patriota), Guilherme Boulos (PSOL) e Vera Lúcia (PSTU) têm 1%. João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC) não pontuaram. Brancos e nulos somaram 13%, enquanto 6% não souberam ou não responderam.

O Datafolha também avaliou o índice de rejeição dos candidatos. Entre os entrevistados, 44% afirmaram que não vão votar em Bolsonaro "de jeito nenhum". Um oscilação de 1 ponto percentual em relação aos números da semana passada, quando ele aparecia com 43% de rejeição. Em seguida aparecem Marina, com 30%; Haddad, com 26% (aumento de quatro pontos percentuais); Alckmin, com 25%; e Ciro, com 21%.

SEGUNDO TURNO COM EMPATE TÉCNICO

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro aparece empatado tecnicamente com Haddad e também em empate técnico, mas dentro do limite da margem de erro, com Marina e Alckmin. Ciro venceria Bolsonaro por 45% a 38%, de acordo com o Datafolha.

Fonte: O GLOBO
Compartilhar no G+