Ipu (CE): Ver. Arlete destaca projeto de unificação de matrículas de professores

A vereadora Arlete Mauricéia ao usar a Tribuna da Câmara Municipal de Ipu na sessão desta terça-feira (25), inicialmente agradeceu pela presença de vários professores na sessão da Câmara e disse que está sempre à disposição do povo ipuense, especialmente dos professores.

Arlete destacou e votou a favor do projeto de unificação de matriculas dos professores que possuem dois vínculos com o município de Ipu e também têm vínculos com outro município ou com o estado, o (TCE) Tribunal de Contas do Estado orientou que os professores escolhessem com qual vínculo ficariam, mas a vereadora Arlete indicou um projeto e o prefeito Sérgio Rufino atendeu, e os professores poderão unificar suas matrículas em uma só, se tiverem dois concursos de 20 horas, unificarem em uma só matrícula de 40 horas, um só emprego, não configurando acumulação de cargos, não sendo obrigatório aos professores escolherem em qual emprego ficar ou pedirem demissão de outro município ou do estado.

A atuante vereadora Arlete Mauricéia destacou o trabalho realizado pela deputada estadual Augusta Brito no Ipu e em toda a Serra da Ibiapaba, e acredita que ela seja a deputada mais bem votada na região.

Arlete disse que foi procurada por mototaxistas, que reivindicaram novos coletes, passou a solicitação para o prefeito Sérgio Rufino, que disse já está  providenciando e em breve serão entregues aos mototaxistas de Ipu.

A competente e atuante edil disse que sempre apoia o esporte no município de Ipu, que é o melhor caminho para tirar os jovens do caminho errado, e se algum vereador tiver o pensamento que ela não apoia o esporte, está enganado.

Arlete Mauricéia já apresentou 43 projetos no ano de 2018, na sessão anterior apresentou dois projetos, solicitando canteiros centrais na rua Plácido Passos e uma academia ao ar livre no Reino de França, e nesta terça (25), indicou que sejam realizadas melhorias na iluminação pública na localidade serrana de São Félix, também cobrou a conclusão do calçamento na referida localidade serrana.

Repórter Ademir Gregório
Compartilhar no G+