Padrasto é preso suspeito de estuprar criança de 11 anos em casa enquanto a mãe trabalhava

Jânio Carvalho Rodrigues foi preso suspeito de estuprar a enteada de 11 anos em Aripuanã — Foto: Polícia Civil de Mato Grosso/Assessoria

Criança voltou da escola e se preparava para tomar banho, quando foi estuprada pelo padrasto. Menina contou abusos para a mãe que denunciou o suspeito à polícia.

Um homem suspeito de estupro de vulnerável contra a enteada, de 11 anos, foi preso na quarta-feira (10) pela Polícia Civil em Aripuanã, a 976 km de Cuiabá. Segundo a polícia, o suspeito, Jânio Carvalho Rodrigues, de 42 anos, estuprou a vítima em casa enquanto a mãe dela trabalhava.

O padrasto teve a prisão decretada e foi encaminhado à Cadeia Pública de Aripuanã. A polícia não informou se ele confessou ou negou o crime. O G1 não localizou o advogado dele.

De acordo com a polícia, o crime ocorreu no dia 3 de outubro. A menina retornou da escola e se preparava para tomar banho, quando percebeu que o padrasto havia trancado as portas da casa e veio até ela.

Ameaçando a vítima de morte com uma faca, o suspeito a levou a um dos quartos e cometeu os abusos. No dia seguinte, após a saída da mãe da criança para o trabalho, ele praticou os mesmos atos.

Mesmo assustada, a menina conseguiu contar a mãe sobre o ocorrido. A mulher procurou a delegacia e denunciou seu companheiro. A vítima foi submetida a exame de corpo de delito que constatou ferimentos nas partes íntimas.

Fonte: G1
Compartilhar no G+