Bombeiros retomam buscas pelo 8º dia em Brumadinho

Equipes de resgate começam a fazer buscas com escavações a partir desta sexta (1º) — Foto: Reprodução/TV Globo

Uma semana após rompimento de barragem, 110 mortes foram confirmadas e há 238 pessoas desaparecidas. Equipes de resgate iniciam nova etapa nas buscas.

As buscas por vítimas do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho (MG), foram retomadas por volta das 7h30 desta sexta-feira (1º). No dia em que o rompimento da barragem completa uma semana, os trabalhos vão entrar em uma nova fase.

Até agora, os corpos resgatados estavam em regiões superficiais. Agora, o trabalho das equipes de resgate dependerá de escavação. O trabalho precisará da estabilização do solo, o que deve tornar mais lenta a operação.

Até o fim da tarde de quinta-feira (31), 110 mortes foram confirmadas e 238 pessoas continuavam desaparecidas, segundo a Defesa Civil. Dos corpos resgatados até agora, 71 foram identificados. Até agora, 394 pessoas foram localizadas. O número de desalojados ou desabrigados é 108.

Na noite da quinta-feira, parentes e familiares de vítimas lotaram uma igreja na missa de sétimo dia dos mortos. A praça e a rua que ficam em frente à Igreja Matriz de São Sebastião foram tomadas de pessoas que não conseguiram entrar.

Números da tragédia

110 mortos confirmados – 71 identificados (veja a lista) 238 desaparecidos (veja a lista) 192 resgatados (veja a lista) 394 localizados 108 desalojados ou desabrigados

Fonte: G1
Compartilhar no G+