Alcione pede respeito de Bolsonaro: "O senhor tem medo de facada, mas precisa ter medo do pensamento"

Alcione fez pronunciamento vestida com cores da bandeira do Maranhão

A cantora maranhense cobra do presidente respeito aos nordestinos.

A cantora maranhense Alcione criticou neste sábado, no Instagram, a fala de Jair Bolsonaro (PSL) na qual se refere aos gestores dos estados nordestinos como "governadores de Paraíba" e ataca diretamente o maranhense Flávio Dino (PCdoB).

"Presidente Bolsonaro, eu não votei no senhor e não me arrependo", diz ela, salientando que não torce contra o governo. "Eu sei que se torcer contra, estou torcendo contra o meu país".

Ela prossegue: "Agora meu pai sempre me dizia, que meu avó já dizia para ele: 'Quem quer respeito se dá'. E o senhor não está se dando respeito. O senhor precisa respeitar o povo nordestino. Respeite o Maranhão".

Ela ainda faz menção ao atentado do qual o presidente foi vítima durante a campanha. "O senhor tem medo de facada, tem medo de tiro, mas o senhor precisa ter medo do pensamento. O pensamento é uma força. Pense em mais de 30 milhões de nordestinos pensando contra o senhor? Comece a nos respeitar. Respeite o povo brasileiro".

Fonte: REDAÇÃO O POVO ONLINE
Compartilhar no G+