CONTRA COLA, PROFESSOR COLOCA CAIXAS DE PAPELÃO NA CABEÇA DOS ALUNOS


O método causou revolta dos pais e outros professores

O método de aplicação de provas por um professor de uma escola no Estado de Tlaxcala, no México, vem dividindo opiniões entre corpo docente e alunos. Isso, porque estudantes estavam usando caixas de papelão sobre suas cabeças durante a realização de provas para evitar “cola”. A instituição de ensino aprovou o ato feito pelo professor Luis Juárez Texis, mas pais de alunos e outros professores não gostaram do método.


Conforme o Diário de Hidalgo, a associação dos pais de alunos classificou o ato como vexatório e humilhante, além de prejudicar os estudantes fisicamente e emocionalmente. Por outro lado, o uso dos papelões foi aprovado por alguns dos estudantes que defenderam o professor nas redes sociais. Por meio de nota no Facebook, o Colegio Cobat alegou que se trata de um método escolar e que “os direitos humanos e individuais dos mais de mil e quinhentos estudantes que cursam o ensino médio”.

Fonte: By Ibiapaba 24 horas
Compartilhar no G+