Galvão vê Flamengo para entrar para história e elogia atuação:



Flamengo e Grêmio se enfrentaram no Maracanã hoje (23) no jogo de volta da semifinal da Copa Libertadores da América. Mesmo podendo empatar sem gols para avançar, os donos da casa foram para cima e construíram uma sonora goleada, garantindo a vaga com um 5 a 0 sobre o rival. Comandante da transmissão do jogo na TV Globo, Galvão Bueno afirmou que este time deve entrar para a história do clube.

"Foi um primeiro tempo apertado, justo. E no segundo tempo, o Flamengo amassou o Grêmio. Em 20 minutos, construiu uma goleada. [...] É um time que, assim, como o último time que chegou à final da Libertadores, já vai construindo sua história. E o Jorge Jesus, apesar de pouco tempo aqui, já vai deixando seu nome na história do clube", analisou o narrador.

O comentarista Júnior, que também participou da transmissão, ressaltou o resgate de muitos torcedores que, possivelmente, nunca viram o time apresentar um desempenho parecido com o do time de 2019.

"Ele precisa conquistar, porque aquele time conquistou muita coisa. Mas como futebol, como desempenho, esse Flamengo está conquistando aquele torcedor que há muito tempo não via isso. Essa recuperação da autoestima é um dos grandes méritos deste Flamengo", declarou.

Para Caio Ribeiro, que também esteve na transmissão, o destaque do time é a facilidade com que o jogo é compreendido pelo time. O ex-jogador também chamou a atenção para a grande festa da torcida no Maracanã.

"O time tem uma cara, uma proposta de jogo definida. Parece que os jogadores ganham sem fazer força. Imagino o que o Marí e o que o Jesus, que não são brasileiros devem estar passando com esta festa", completou.

Fonte: Uol
Compartilhar no G+