Estudante que se jogou de carro em movimento em Fortaleza foi estuprada, diz polícia; motorista é localizado e preso

Adolescente é socorrida após cair de carro no Conjunto Ceará, em Fortaleza

O automóvel foi localizado após ser detectado pelo Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia).

O motorista do carro de onde uma estudante de 13 anos se jogou na tarde de terça-feira (2) foi preso suspeito de estuprar a adolescente. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Ceará (SSPDS), ele irá responder por estupro de vulnerável. A adolescente ficou ferida na cabeça após pular do veículo. O crime ocorreu na Rua 541 D, na 2ª Etapa do Bairro Conjunto Ceará, em Fortaleza.

Segundo a polícia, testemunhas afirmaram que a jovem se jogou de um veículo de cor prata e desmaiou. Os próprios moradores socorreram a adolescente. A Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca), que investiga o caso, obteve imagens que mostram o automóvel percorrendo vias do bairro e está trabalhando para identificar as circunstâncias do fato. O veículo foi localizado por meio de câmeras do Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia).

Mais informações sobre a prisão serão repassadas em coletiva de imprensa, na sede da SSPDS, ainda nesta quarta-feira (3).

Pancada na cabeça

Moradores da região ouvidos pelo G1 relataram que a adolescente usava farda escolar no momento do crime. De acordo com a direção da instituição de ensino onde a vítima estuda, a escola ligou para os pais da garota, já que a menina não havia chegado à aula no horário de costume.

A escola informou que a vítima foi atendida no Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza, e recebeu alta ainda na manhã de terça.

Um morador que não quis se identificar confirmou que a jovem caiu de um carro de cor prata. Ele conta que a adolescente sofreu uma forte pancada na cabeça na queda. “A menina bateu com a cabeça em outro carro e a gente foi ajudar, sem entender nada. Ela não conseguia falar e estava passando mal, como se estivesse tendo uma convulsão”, afirma.

Fonte: G1 Ceará
Compartilhar no G+